Santo Antonio de Posse elege Diretório Municipal

A Convenção de Santo Antonio de Posse foi realizada no dia 28 de Novembro de 2017, esteve presente o Presidente do PDT de Pedreira, Allan Alves, representando a Direção Estadual. Também estava presente o Presidente da Comissão Provisória do PDT de Jaguariúna, Wilian Morrinho. Prestigiaram a Convenção os vereadores de Santo Antonio de Posse: Preto Eventos (PRP), Ferretti (DEM), Ana Brandão ( PMN), Hiroshi (PTB) e Edson da Cesta (PRP). Foi eleito como Presidente do PDT de Santo Antonio de Posse o companheiro José Ricardo Cortez.

Presidente Lupi reúne Executiva Estadual de São Paulo

A Executiva Estadual de São Paulo reuniu-se nesta quinta-feira (9), em São Paulo, para avaliar a conjuntura para a eleição de 2018. O presidente Carlos Lupi abriu a reunião discutindo as possibilidades que poderão compor a constituição da chapa majoritária para o Estado de São Paulo. Também salientou a importância de elegermos o máximo de Diretório Municipais, visando fortalecer o Partido no interior do Estado.

JUVENTUDE DO PDT REALIZA AULÃO DO ENEM

A Juventude Socialista PDT do Estado de São Paulo, presidida pelo jovem Ewerton Roberto (Carreirinha), junto com sua municipal de São Paulo presidida pelo Gabriel Cassiano, realizaram com as suas direções, um feito histórico em uma cidade que transborda desigualdade social: um aulão, totalmente gratuito, com kit de material de estudo, café da manhã e almoço para mais de 400 jovens da rede pública de ensino.

A precariedade do ensino público no Estado de São Paulo é resultado de uma gestão que já ultrapassa 20 (vinte) anos de poder pelo PSDB que hoje tem seu governo chefiado por Geraldo Alckmin. No Brasil, São Paulo é o estado mais rico do país, representando 40% do PIB Brasileiro, mas que vergonhosamente fica em 24º lugar, segundo o IDEB, no ranking da educação do ensino fundamental e médio.

A Juventude PDT no Estado tem ciência desse déficit e urge na proposta de ajudar no que for possível para que esse quadro se reverta.

Hoje o maior acesso à universidades é pela prova do Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM) realizado pelo Ministério da Educação do Governo Federal. São mais de 90% de todos as universidades públicas do país que tem vagas pela prova ENEM e o que era para ser benefício, hoje, infelizmente tem mostrado ser exclusão. Em recente pesquisa pelo INEP, a maioria que conseguem as vagas destinadas do ENEM, vem de alunos de escolas particulares, de classe média e alta, branco, que tiveram acesso a todas as ferramentas possíveis para que seus sonhos sejam alcançados.

Os jovens pretos, da periferia, que depende do ensino público, muitas das vezes não se motivam nem de se inscreverem na prova, sabendo da falta de preparo que muitas das vezes se fazem presente.

Na intenção de tentar corrigir isso, a JS-PDT (SP) conseguiu realizar esse aulão que chegou a histórica marca em sua primeira edição de 423 jovens da rede pública de ensino. Foram 9 horas de aulas das diversas matérias que caem na prova, com Professores capacitados que vieram do ULB – Universidade Leonel Brizola, que já realizam Brasil a fora outros aulões em parceria com vários movimentos sociais. Os próprios ressaltam que esse aulão foi diferente: além de ter sido o maior já realizado com participação dos mesmos, esse momento conseguiu se pautar vertiginosamente na democratização da educação e ser totalmente gratuito. Extrapolando qualquer expectativa.

Os grandes apoiadores para que a ideia se viabilizasse, foram o Corinthians, pela pessoa de André Negão, que disponibilizou a estrutura do evento no Parque São Jorge e a CSB – Central de Sindicatos Brasileiros, pela pessoa de seu Presidente Neto, que viabilizou parte dos custos para a realização. O PDT Nacional também foi crucial para que o evento ocorresse, apoiado pelo seu Presidente Carlos Lupi, Manoel Dias e pelo diretor de Movimento de Memória, Cultura e Sociedade do PDT, André Gaetta.

Depois de realizado fica o orgulho! O orgulho e satisfação de ter sido ator fundamental para a retomado do projeto educacional de Darcy Ribeiro com o acesso educacional a todos e todas.

Em tempos de “Escola Sem Partido” e ataque a arte e cultura, a Juventude Socialista mostra que está verdadeiramente engajada em um projeto aonde qualquer jovem possa ter acesso aquilo que é por direito: a educação de qualidade.

Atleta e Vereador do PDT de Tarumã-SP vence a Maratona da Câmara

A última eleição para vereador, em 2016, em Tarumã, cidade de 14 mil habitantes do interior de São Paulo, foi marcada pela vitória de um pedetista que sustenta na simplicidade a base da sua trajetória de vida. Nesse contexto, Danillo Correa, 27 anos, que já era reconhecido pela dedicação no treinamento de atletismo oferecido para crianças carentes, agregou mais uma prioridade na sua intensa rotina: o desenvolvimento social de toda a população local ao longo do seu primeiro mandato.

Originário de Assis (SP), que, na década de 90, deu origem à Tarumã, a partir da emancipação, o parlamentar conquistou uma cadeira na Câmara reunindo 368 votos, o que representou um feito: foi o mais votado do pleito local e o mais jovem da história do município. “A minha vitória mostra que o maior valor de uma cidade é a população”, exaltou, ao lembrar que os cidadãos sempre pediam a sua participação como um dos seus representantes no legislativo.

Humilde, Danillo faz questão de ressaltar como foi o longo caminho até chegar à vitória.

“Fiz a campanha de bicicleta. Não tinha recursos para investir. Por isso, fui batendo de porta em porta para conversar com cada eleitor e mostrar minhas propostas. Esse contato direto foi fundamental e me encorajava a seguir em frente, pois eram palavras de motivação”, explicou.

História

Apaixonado pelo atletismo, Danillo desenvolve na cidade, há mais de seis anos, um projeto social que abre as portas para a população de baixa renda. Em cada passada, ele reconhece o valor da formação. “A atividade esportiva é uma ferramenta motivadora, fortalece a saúde e ainda ajuda muitas famílias que passam por dificuldades”, pondera.

Ao contar como surgiu a ideia da ação, ele abre um sorriso no rosto. “O projeto Elite Tarumã nasceu através de uma escolha. Há sete anos, eu trabalhava em uma farmácia como entregador. No final do dia, cursava Educação Física. Durante uma passagem pela pista de atletismo, veio na minha direção um menino chamado Bruno, que, na época, tinha uns 12 anos, e pediu para lhe ensinar a prática do atletismo”, relatou.

“Confesso que fiquei arrepiado e senti que havia um grande talento a ser lapidado. No outro dia, eu pedi as contas do serviço e comecei a treiná-lo. Em sua primeira corrida, ele conquistou o primeiro lugar”, exalta, ao mostrar que fez a escolha certa.

O sucesso do jovem aprendiz despertou o interesse da população. “Com isso, surgiram muitas crianças e jovens interessados”, disse, ao explicar que conta com apoio de voluntários para manter o projeto.

Em pouco tempo, Danillo já conta, com orgulho, os resultados alcançados pela equipe composta com dezenas de alunos: cerca de 100 troféus e mais de 300 medalhas. “Hoje, o Bruno reside no Paraná e treina com os melhores atletas do mundo, os quenianos. Estou feliz, pois sei que ele representará ainda a seleção brasileira”, concluiu.

Por Bruno Ribeiro FLB/AP