Novo documentário conta a história de Matheus Schmidt, trabalhista histórico do PDT

27/11/2018
Foto do documentário Matheus Schmidt - Um caso de amor pelo Brasil

A história narra a trajetória de Matheus Schmidt, grande companheiro de Leonel Brizola e quadro histórico do PDT e do trabalhismo que travou uma luta de 60 anos em favor da democracia, da igualdade social e da defesa do patrimônio público.

Ganhador do prêmio Melhor Documentário pelo Festival de Cinema Latino no Uruguai, o longa “Matheus Schmidt – Um Caso de Amor pelo Brasil”, dirigido pela cineasta Márcia Schmidt, será exibido em estréia no Cine Olido, no centro de São Paulo, na Av. São João, 473, a partir das 19h

 A entrada será franca, porém por ordem de entrada (o cinema possui pouco mais de 100 vagas).

Confirme presença no link do evento: https://www.facebook.com/events/2046655642044390/

 

Cartaz do Documentário "Matheus Schmidt - Um Caso de Amor pelo Brasil"
SINOPSE

Entre 1948 e 2010, Matheus Schmidt enfrenta duas prisões, um exílio no Uruguai, resiste a um duro embate contra a ditadura militar (1964-1985), denuncia prisões e desrespeitos a direitos humanos, e vai para a rua defender estudantes e trabalhadores nos confrontos com a polícia.

Em várias ocasiões, como nas invasões da Universidade de Brasília nos anos 1960, Matheus desafia o autoritarismo e paga o preço de ter o seu mandato de deputado federal cassado pelo Ato Institucional número cinco (AI-5) em 30 de Dezembro de 1968. Mesmo durante os dez anos que teve os direitos políticos suspensos, ele continuou lutando pela democracia. Nos dois últimos mandatos de deputado federal, Matheus atuou nos movimentos de redemocratização do País (1983-1987) e contra o neoliberalismo imposto pelo presidente Fernando Henrique Cardoso (1995-1999).

Com narrativa vibrante e cheia de emoção, o filme resgata uma parte turbulenta da história do Brasil e reafirma valores como ética e coerência na política.